Psiquiatra

DRA. LORENA CALEFFI

CREMERS 17211
Lorena Callefi


Entre em contato comigo:

(51) 99667-5673



Médica Psiquiatra com especialização em Dor e Medicina Paliativa

Nasci em Porto Alegre – RS em 1964 e ingressei na Faculdade de Medicina da UFRGS em 1983, graduando-me em 1989.

Iniciei a Residência em Psiquiatria no ano seguinte, 1990, no Serviço de Psiquiatria do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). A Residência, com três anos de duração, inclui formação e treinamento em Consultoria Psiquiátrica, durante a qual tive a oportunidade de iniciar minha formação no Serviço de Dor e Medicina Paliativa do HCPA, na época chefiado pela Dra. Miriam Martelete.

Realizei um quarto ano de Residência exclusivamente para seguir a especialização em Dor e Medicina Paliativa, no HCPA.

Minha trajetória profissional em Dor iniciou logo em seguida, pois permaneci como psiquiatra voluntária no Serviço de Dor e Medicina Paliativa do HCPA. Além de atender os pacientes, passei a ministrar aulas e orientar como preceptora no Curso de Especialização em Dor, naquele mesmo Serviço. Em paralelo, iniciamos o ambulatório específico para residentes da Psiquiatria, dentro do Serviço de Dor, projeto desenvolvido pelo Dr. Rogério Wolf de Aguiar e eu, e que funciona até hoje com o nome de PRODOR.

Em 2005, fui convidada pelos Drs. João Marcos Rizzo, Luciano Oliveira e Marcos Bicca da Silveira a integrar a Clínica de Dor do Hospital Moinhos de Vento (HMV), passando a atuar nela desde então.

Além da atuação na Clínica de Dor do Hospital Moinhos de Vento, atendo em meu consultório privado e no Núcleo da Mama do HMV.


Formação Acadêmica

Dra. Lorena Caleffi

Minha galeria de fotos



Meus últimos textos:


14 de abril de 2021

Histórias lindas de morrer: assim é o título do último livro de Ana Claudia Quintana Arantes, geriatra paulista, que fez – e faz – escola em Cuidados Paliativos. Idealizadora e fundadora da Casa do Cuidar, onde pessoas com doenças terminais aproveitam a Vida de forma digna e têm a chance de pensar e sentir com toda a força que puderem.

23 de setembro de 2020

Como conviver com uma pessoa que tem dor crônica? Quem tem em casa uma pessoa com um quadro doloroso crônico enfrenta uma série de dificuldades. A começar pela falta de um exame de laboratório, um raio x, uma tomografia, qualquer indício que mostre esse problema. Para sabermos, precisamos que quem sente a dor nos conte, descrevendo o que sente da forma mais sincera possível.


Projeto Educador Logo Pequeno

O Projeto Educa Dor é uma ferramenta de informação em saúde, que busca levar de maneira clara, informações sobre os mais diversos conceitos envolvendo a dor crônica, seus tratamentos, métodos e diagnósticos.

Responsável técnico: Dr. João Marcos Rizzo - CREMERS 18903

Últimas postagens